TERRA SANTA TEM A GASOLINA MAIS CARA DO PARÁ

Mesmo depois de seguidas reduções, o preço do litro da gasolina continua lá nas alturas.

Dois dias depois de ter reduzido em 15% o preço nas refinarias, a Petrobras anunciou, na última sexta-feira, 27, nova redução no preço médio da gasolina. Desta vez, a redução foi de 5%. Esta foi a terceira vez, só no mês de março, que a Petrobras reduziu o preço da gasolina, que já acumula uma diminuição de mais de 40% só em 2020.

Apesar de uma redução de quase a metade do preço nas refinarias, a gasolina continua com os preços muito altos nas bombas, principalmente aqui em Terra Santa, que até a publicação desta matéria não houve nenhuma redução.

Antes das duas últimas reduções de preço praticadas pela Petrobras, o DIEESE-PA fez uma pesquisa de preços no estado para aferir os diferentes valores cobrados pelo litro da gasolina nos postos paraenses. Segundo essa pesquisa, Parauapebas, no sudeste paraense, teria, na época, a gasolina mais cara do Estado com o litro custando, em média, R$ 5,14. Só que a pesquisa do DIEESE não incluiu Terra Santa que, na ocasião, tinha o litro da gasolina custando R$ 5,35. Hoje, em Parauapebas, o litro da gasolina comum custa R$ 4,99 enquanto que em Terra Santa o menor preço é R$ 5,12. Portanto, concluímos que, infelizmente, Terra Santa tem a gasolina mais cara do Pará.

Outra coisa que chama atenção no preço da gasolina em Terra Santa é o preço com uma diferença de apenas R$ 0,01 (UM CENTAVO) entre os Postos. Embora isso não se configure a formação de “CARTEL”, mas essa diferença de UM CENTAVO é, no mínimo, estranha.

Como não temos PROCON em Terra Santa, espera-se que o MPE investigue a razão que levou os donos de Postos de Combustível a não baixarem os preços da gasolina na mesma proporção de valores que se observou em outros municípios paraenses.

RCP – TERRA SANTA

Comentários

Notícias Locais relacionadas

Arquivo de Notícias
Publicidade
Categorias